segunda-feira, 12 de março de 2018

VOLKANA

Volkana (Clerodendron fragrans)


VOLKANA

O mundo está perdido?, sei lá eu!,
perdido vem estado sempre..., tanto
que desde Adão conhece o mundo o pranto,
e jamais houve quem jamais sofreu.

Adão não faz sentido para o ateu,
mas vejo ateu sofrendo pelos cantos
que nem em penitência o maior santo
da mortificação se assim valeu.

Pois tome a sua cruz, quem crê ou não,
floresça em si com fé, sacra ou profana,
e que a cruz justifique suas mãos.

A cruz é dor sem alma, a torne humana
ao modo que a beleza no lixão
transforma o que é refugo em flor volkana.


Marcos Satoru Kawanami