sexta-feira, 6 de março de 2015

PAPEL HIGIÊNICO



PAPEL HIGIÊNICO

Invenção mais mimosa é o papel
higiênico, que limpa nossa peida
devido àquela justa e linda lei da
bosta, que é do juiz e que é do réu.

Seu inventor merece é um troféu,
um arco do triunfo pela Eneida
de engenho e arte que nos deixa a peida
garbosa, altiva, feito a Torre Eiffel.

E aquele que jamais cagou dispense
o papel, a descarga, a porta, o vaso
sanitário, e, depois, morra enfezado.

Mas, lendo este poema agora, pense
em que papel, achado por acaso,
foi ele escrito, e em peido sublimado.


Nhandeara, 6 de março de 2015
Marcos Satoru Kawanami





"O sabugo tem três qualidades: limpa, coça, e penteia."
(O Analista de Bagé)

"Pacu, baiacu, curimbatá, tucunaré, pirarucu; ô gente pra gostar de peixe!"
(Matheus Ceará)

9 comentários :

Laura Santos disse...

Aaah Marcos, como a merda te inspira!...
Não posso dizer que adorei, porque prefiro coisas mais românticas...enfim , sou uma imbecil de merda!...;-)
xx

Arco-Íris de Frida disse...

Seu inventor realmente merece um trofeu... antigamente se limpava com folhas que se pegava no meio do mato...
Trofeu ao inventor do papel...

Elyane Lacerdda disse...

Marcos,
seu poema é irônico e real!
Sua intenção é mostrar para a sociedade ,que em determinados momentos, somos todos iguais, temos as mesmas necessidades fisiológicas!
Gostei,amigo!!!!!
A do sabugo é demais rsrsrsrrsrssr
bjus
http://www.elianedelacerda.com

Patrícia Pinna disse...

Só mesmo você para criar um poema assim, mas tenho de concordar que o papel higiênico não faz acepção de pessoas, rs.
Parabéns ao seu criador.
Tenha um fim de semana de paz.
Beijos na alma.

Rapha Barreto disse...

Muito bom Marcos!
E graças a Deus existe o papel kk
Adorei!

Beijos
http://mylife-rapha.blogspot.com

JAIRCLOPES disse...

Papel higiênico

Há quem essa Invenção não a compreenda
Papel higiênico há até para quem não gosta
Usá-lo sempre nem foi mito, sequer é lenda
É a redenção de todos cus pejados de bosta.

Num mundo embostelado é um marco genial
Quem inventou deve ser louvado prá chuchu
Tudo limpa esse papel, inclusive o nosso pau
E seja rico ou seja pobre todos limpam seu cu

Mas, saudosistas ainda relembram do sabugo
Sobre o qual dizem; limpando, coça e penteia
Muito útil, contudo há quem fique sob seu jugo.

O cão papel higiênico não tem, limpa na areia
Onde pode existir urtiga um potencial verdugo
Que traumatiza o furico e as pregas sacaneia.

Rapha Barreto disse...

Boa semana!
http://mylife-rapha.blogspot.com

Rapha Barreto disse...

Boa semana Marcos (:
Beijos,
http://mylife-rapha.blogspot.com

Magia da Inês disse...

⋰˚هჱܓ
Não consigo parar de rir:
Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Isso sim, é criatividade!!!!


FELIZ PÁSCOA!!!
┏╮/╱
╰ჱ ╮
╱/╰┛