quarta-feira, 17 de julho de 2013

mosaico

mosaico

MOSAICO

Vejamos se não é a nova aurora,
a aurora infinda, o dia tão bem quisto
que pano deu pra manga se haja visto
o Terço do Perpétuo, de hora em hora,

a leva de profetas que apavora
na Bíblia a esperar o Santo Cristo,
e a ânsia pró parúsia no previsto
raiar do dia eterno, que é o agora.

Adão pecou, não foi em vão, não foi,
porque, neste dramático cenário,
civilizou-se o mundo pelo mal

e pelo bem, estampa feita a dois,
a fim de, num mosaico itinerário,
sentirmos o valor do Bem final.

Nhandeara, 17 de julho de 2013
Marcos Satoru Kawanami

Nenhum comentário :