segunda-feira, 2 de julho de 2012

cabe mijar - haikai do vira-lata, de Millôr Fernandes


haikai

na poça da rua,
o vira-lata
lambe a lua

Millôr Fernandes


CABE MIJAR

Ao acordar,
pensei:
cabe mijar...
Mijei.

Ao me cagar,
pensei:
cabe mijar...
Mijei.

Quando a bestar,
bestei:
cabe pensar...
Caguei.

Se, a poetar,
sonhei
velas ao mar...,
morei.

E, a soçobrar,
pensei
longe do mar:
Pensei...

Mas, ao pensar,
sorri,
e descobri
o mar.
— Fazendo xixi
na poça da rua.

Marcos Satoru Kawanami

Nenhum comentário :