quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

book 88 - Tonho Oliveira - 2 palíndromos: um é o primeiro verso e o outro é o quarto verso



DOIS PALÍNDROMOS
para Tonho Oliveira

Assovio flauta atual, foi vossa
darradeira menção de vosso ofício,
e eu fiz estes palíndromos por vício
às sobras, o don no dosar bossa...

Mas vide que o soneto, minha nossa!,
tem falha métrica, a bem do artifício,
na tal palindroforme estrofe, indício
que o Tonho em apuros põe-me à troça.

O ano mais feliz de minha vida
foi justo o ano de Tonho a proposta,
fazer de 88 ambivalente

tanto naquela estrofe referida
quanto em um seu desenho, que ele aposta
meu duodecênio forja eternamente.

Nhandeara, 16 de janeiro de 2012
Marcos Satoru Kawanami


BOOK 88
para o amigo Tonho Oliveira

Assovio flauta atual, foi vossa
darradeira menção de vosso ofício,
e eu fiz estes palíndromos por vício
às sobras, o don no dosar bossa...

Mas vide que o soneto, minha nossa!,
tem falha métrica, a bem do artifício,
na tal palindroforme estrofe, indício
que o Tonho em apuros põe-me à troça.

Pois é, o autor do “oitentaoitonho”, a mim,
pediu que versejasse para o livro,
o “Book 88”, cheio de artes

impossíveis à la Escher; e, em fim,
do teu pedido, amigo, não me esquivo
ainda que o soneto tu descartes.

Nhandeara, 16 de janeiro de 2012
Marcos Satoru Kawanami


Um comentário :

myra disse...

formidavel!!!!!parabens aos dois!!! adoreiiiiiiiiiiiiii
abraços