terça-feira, 23 de novembro de 2010

Poema de Madre Teresa de Calcutá


O dia mais belo? Hoje
A coisa mais fácil? Equivocar-se
O obstáculo maior? O medo
O erro maior? Abandonar-se
A raiz de todos os males? O egoísmo
A distração mais bela? O trabalho
A pior derrota? O desalento
Os melhores professores? As crianças
A primeira necessidade? Comunicar-se
O que mais faz feliz? Ser útil aos demais
O mistério maior? A morte
O pior defeito? O mau humor
A coisa mais perigosa? A mentira
O sentimento pior? O rancor
O presente mais belo? O perdão
O mais imprescindível? O lar
A estrada mais rápida? O caminho correto
A sensação mais grata? A paz interior
O resguardo mais eficaz? O sorriso
O melhor remédio? Otimismo
A maior satisfação? O dever cumprido
A força mais potente do mundo? A fé
As pessoas mais necessárias? Os pais
A coisa mais bela de todas? O amor


Madre Teresa de Calcutá
.................................................................................................



"Morrer se for preciso, matar jamais."
(Marechal Rondon)

Quem tem sentimento devoto a Deus, tem autoridade moral para a coragem extrema. Os corruptos não têm autoridade moral porque negam Deus, e assim chegam à covardia extrema.
.

5 comentários :

Adriana Godoy disse...

Senti que vc está muito sério neste poema. Aliás, um belo poema. Estava com saudade disso aqui. Bj

tonhOliveira disse...



"Hoje não matei ninguém,
mas quase morri de tédio...

Amanhã vou matar o tédio
e morrer no assalto de cada dia!"
...

Não sou corruPTo,
nem do PartidoSerraDoBrasileiro,
nem do DEMo nem nada.
mas to precisando de coragem pra acreditar
que posso ENCONTRA-LO e fazer uma aliança BEM séria com o ELEmento sUPerior!

Abraço-tchê!

Viiii disse...

Que outra palavra além de "perfeito" para definir esse poema? Sábias e profundas palavras, devemos sempre carregá-las conosco. Acho que se todos entendessem de verdade essa mensagem o mundo seria melhor!
Abraços

Jaime Guimarães disse...

Uma beleza este poema, muito bom! "O erro maior? Abandonar-se". Perfeito!

Tá certo que o (meu) trabalho não é assim a melhor distração e tampouco bela, mas cabe. Tem pessoas que são felizes com o seu trabalho. Eu queria.

abs

Soneca disse...

Poema do tipo auto-ajuda mas a mais pura verdade. E pensar que eu recebi isso no e-mail,(numa apresentação de power point brega) e apaguei no ato, perdão Madre, porque pequei.

Coisa bonita. Seria bom saber se existe mais gente assim.

Inté