domingo, 25 de outubro de 2009





SER PAI


“Ser mãe é andar chorando num sorriso!
Ser mãe é ter um mundo e não ter nada!
Ser mãe é padecer num paraíso!”
(Coelho Neto)



Ser pai é duvidar, mas ir em frente
criando o bacuri que está no mundo
com zelos e cuidados, sem no fundo
saber se esse pirralho é seu parente!

Ser pai é ter um título aparente
de rei, que empunha o cetro cornibundo
e veste o ledo manto vagabundo
do Chaplin que parece estar contente.

Mas, enfim, o que vale é a Família
à parte de somenos prejuízo
que fica bem na altura da braguilha.

Confie que a comadre tenha siso,
assim você verá que maravilha:
ser pai é padecer num paraíso!

Marcos Satoru Kawanami

.