sexta-feira, 23 de outubro de 2009

















FREUD EXPLICA?
(ficção total)

para Glauco Mattoso




“No fundo, o grande sonho masculino
é conseguir chupar a própria tora”,
assim falou Mattoso numa hora
em que se axibungava seu destino.

Quanto a mim, o meu sonho de menino
era beijar meu próprio cu por fora,
e meter com volúpia e com demora
a piccola piroca no intestino.

Aí, porém, a coisa se complica
pelo meu anatômico limite,
que não é só meu, ao que tudo indica...

De modo que, se o mestre me permite,
perguntarei: Será que Freud explica
o nosso tão onânico apetite?

Marcos Satoru Kawanami

.