sábado, 1 de agosto de 2009








SAUDADE


"Saudade é o sentimento que fica daquilo que não ficou."
(Luciane)




De todas que me beijaram,
de todas que me abraçaram
já não me lembro nem sei...
São tantas que me amaram,
são tantas que eu amei.
Mas tu, meu rude contraste,
tu, que jamais me beijaste,
tu, que jamais abracei,
só tu nesta alma ficaste
de todas que eu amei!

(autor desconhecido)

.

6 comentários :

Eloisa disse...

Em algum lugar eu li esse mesmo poema. E essa citação ali é da tua esposa, Marcos? Achei inteligente. (:
Um abraço.

BAR DO BARDO disse...

Como se chama esse tal de anônimo?

Texto de sabedoria...

Thiago Maia disse...

Vou ter que pedir autorização a Anônimo, kkkkkkkkkkk. Vou usar essa passagem ai, em uma labuta que estou envolvido...
UUUUUUUUUUUUAAAAUUUU

Abração cumpade!

Paola disse...

Ai que meigo...
O que falta a gente tem vontade de ter.
Poha,esse autor sabe das coisas...
Inté

Marcos Satoru Kawanami disse...

Henrique,

aventa-se o mui famigerado supositório de que Anônimo seja o pseudônimo do Sr. Ignoto da Nulidade Oculto.

=D
Zé Ninguém

Sunflower disse...

Nhaiiiiiiiiiiim