sexta-feira, 26 de junho de 2009











SONETO À SOGRA
"Eu amo a sogra da minha mulher!"
(Dicró)


Quem ama a mãe da esposa é destinado
a ter segunda mãe no casamento,
cujo desvelo afável faz momentos
de eternidade, eternos, conjugados.

Caminha o marido lado a lado
com os pais do querido complemento;
quem quer dessa família estar isento,
não pode ter seu próprio clã honrado.

Ser mãe de um ser amado é dom divino,
se santo é o próprio Amor que nos dá a Vida
que vem da Virgem Mãe do Céu querida.

Portanto, aqui redijo um ledo hino,
se tal louvor subido um genro logra
expondo como é bom amar a sogra.

Marcos Satoru Kawanami

.