terça-feira, 13 de janeiro de 2009

PASTORIL

Tristeza vai,
tristeza vem;
eu vou cantando,
você também.

Nos damos mal,
nos damos bem;
vou oscilando,
você também.

A vida rude,
beleza tem;
aos olhos meus,
você também.

Junto a você,
eu sou alguém;
junto de mim,
você também.

Eu encontrei
meu algo além;
estou amando,
você também.

Entre nós dois
cabe ninguém;
eu sou amado,
você também...


Marcos Satoru Kawanami